Febre Maculosa

Desde 2005, a ESALQ desenvolve ações visando ao controle do carrapato-estrela, que é o transmissor da doença Febre Maculosa Brasileira (FMB), por meio do Programa de Controle de Carrapatos-estrela no Campus “Luiz de Queiroz”.

Essas ações envolvem a conscientização, o monitoramento e o controle químico e biológico do carrapato-estrela em áreas do Campus “Luiz de Queiroz”, bem como o isolamento de áreas com fins didáticos e experimentais da ESALQ, por meio de alambrados, impedindo o trânsito de hospedeiros primários do carrapato-estrela no Campus.

Contudo, em função da ESALQ se encontrar em área endêmica para os carrapatos-estrela e por apresentar condições adequadas para a proliferação da espécie, é fundamental que cuidados adicionais sejam adotados pela comunidade local e pela sociedade, tais como evitar o trânsito em locais sujeitos à infestação por carrapatos-estrela sinalizados, assim como o uso de equipamentos de proteção individual, quando se justifique o acesso a áreas infestadas.

Recomenda-se também a atenção da comunidade interna e de visitantes quanto à observação de avisos relativos às áreas com maior risco de contaminação (placas de sinalização) e a comunicação de qualquer contato com carrapatos (Ficha de Notificação - http://www.pusplq.usp.br/fichacarrapato/).

 

 

Visualizar ESALQ/USP em um mapa maior.

 

Produzido pela Siesalq

Copyright © 2015 ESALQ/USP