Série Produtor Rural completa 20 anos

Motivar produtores e trabalhadores rurais para leitura, por meio de textos curtos, ilustrados e de linguagem acessível, com o propósito de estabelecer uma conexão entre a pesquisa e a extensão. Essa é a base conceitual da Série Produtor Rural (SPR), publicação editada pela Divisão de Biblioteca da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (USP/ESALQ) que surgiu em 1997. “A SPR foi criada durante o Projeto Exagri, patrocinado pela Fundação Kellog”, conta Marcia Regina Migliorato Saad, chefe da Biblioteca.

Durante a abertura da 2ª Semana da Escrita Científica da ESALQ, Marcia fez um panorama dos 20 anos da publicação, pontuando o processo evolutivo que levou a série ser uma referência de conteúdo informativo sobre culturas agrícolas e técnicas de manejo não somente não somente para o homem do campo.

“Em 2011, a pedido da FUNAI, a coleção da SPR foi enviada para 7 etnias de comunidades indígenas em  Colíder, o Mato Grosso, próximo às divisas com Pará e Amazonas e, em 2014, enviamos uma coleção completa para Biblioteca Comunitária de Barra Grande, Península do Maraú, BA por solicitação dos assentados na região”.

A partir do nº 14, a SPR começou a ser produzida no Serviço de Produções Gráficas da ESALQ e, desde 2012, passou por uma repaginação gráfica, ganhando novo layout, capa e ilustrações em cores.

Repercussão na mídia – A abrangência de temas, a facilidade de acesso à informação e a qualidade do material levaram a publicação a ganhar espaço na mídia. Em 2013, a SPR foi parar nas ondas do rádio, quando era tema de um quadro do programa Pensando Rural, da Educativa FM, de Piracicaba. Semanalmente, a SPR é destaque no Globo Rural, pois a produção do programa da Rede Globo utiliza a publicação para responder cartas de telespectadores. “Com a ampliação da divulgação, ganhamos grande espaço nos veículos de comunicação em massa e por conta disso recebemos cartas até de dentro de presídios, de pessoas que querem receber a série com intuito de aprender técnicas de manejo rural e quem sabe mudar de rumo na vida”, lembra a chefe da Biblioteca.

Em 2007 a SPR ultrapassou as fronteiras brasileiras e chegou à Europa, quando ocorreu a primeira venda para um leitor na Espanha, mas o campeão de vendas é o nº 33, de 2006, o Manual de Desidratação Solar de Frutas, Ervas e Hortaliças, com cerca de 1.500 exemplares vendidos. “A comercialização, no entanto, não é o mote do projeto e para ampliar o acesso, em 2012 passamos a oferecer download gratuito no site da Divisão de Biblioteca”. Esse processo permitiu, por exemplo, que a Associação Brasileira de Entidades de Assistência Técnica e Extensão Rural passasse a fornecer aos seus associados, os arquivos em PDF da coleção completa da Série Produtor Rural.

Futuro – Em 20 anos, já foram publicados 64 exemplares e o próximo tema será um número especial sobre Orquídeas. Em outubro, a SPR será apresentada em um congresso em Fortaleza/CE, que terá como tema sobre o desempenho das bibliotecas e o cumprimento da Agenda 2030 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável.

Para acessar todos os exemplares da Série Produtor Rural clique em www4.esalq.usp.br/biblioteca/publicacoes-a-venda/serie-produtor-rural . Outras informações pelo e-mail biblioteca.esalq@usp.br .

Texto: Caio Albuquerque (07/08/2017)

Data foi celebrada na abertura da 2ª Semana da Escrita Científica (crédito: Gerhard Waller)

Produzido pela Siesalq

Copyright © 2015 ESALQ/USP