ESALQ tem Teses premiadas pela Capes

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou a lista dos vencedores do Prêmio Capes de Tese 2018. Entre os trabalhos contemplados, 3 são da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP), uma das unidades da USP mais premiadas no certame.

O resultado se refere as melhores teses de doutorado defendidas em 2017. Na área de Ciências Agrárias, foi contemplado o trabalho “Rice performance, water and nitrogen efficiency in different irrigation regimes in tropical lowland”, de autoria de André Fróes de Borja Reis, doutorando do Programa de Pós-graduação em Fitotecnia. O estudo teve orientação do professor José Laercio Favarin, do departamento de Produção Vegetal da Esalq.

Na área de Zootecnia e Recursos Pesqueiros, está entre os laureados o trabalho “Descoberta de SNP, construção de mapa genético de alta densidade e identificação de genes associados com adaptação climática e ausência da espinha intermuscular em tambaqui (Colossoma macropomum)”, de autoria de José de Ribamar da Silva Nunes, doutorando do PPG em Ciência Animal e Pastagens. A orientação foi do professor Luiz Lehmann Coutinho, do departamento de Zootecnia da Esalq.

Além dos 42 trabalhos selecionados para receber o prêmio, o edital Nº16/2018 também oferece menção honrosa a outras 81 teses. Entre essas teses, na categoria Ciências Agrárias, está “Dinâmica da matéria orgânica do solo na conversão pastagem - cana-de-açúcar no Centro-Sul do Brasil”, de autoria de Dener Marcio da Silva Oliveira. O trabalho foi orientado pelo professor Carlos Eduardo Pellegrino Cerri, do departamento de Ciência do Solo da Esalq.

Entre todos os estudos reconhecidos, a Universidade de São Paulo foi contemplada com 13 premiados e outras 12 teses receberão menção honrosa.

A cerimônia de entrega dos prêmios ocorrerá no dia 13 de dezembro, em Brasília.

Prêmio CAPES de Tese 2018 - Criado em 2005, o Prêmio CAPES de Tese é oferecido anualmente às melhores teses de doutorado de cada uma das 49 áreas do conhecimento. Os critérios de premiação devem considerar a originalidade do trabalho, sua relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural, social e de inovação, além da valorização dada pelo sistema educacional ao candidato. Duas teses, em cada uma das áreas, também poderão ser agraciadas com a Menção Honrosa. São concedidos, ainda, prêmios especiais para áreas pré-determinadas, em parceria com a Fundação Carlos Chagas e a Comissão Fulbright. Por fim, há a entrega do Grande Prêmio CAPES de Tese, concedido em parceria com a Fundação Conrado Wessel, à tese de maior destaque de cada área da Ciência (científica, saúde e humanas).

Texto: Caio Albuquerque (03/10/2018)

Trabalhos serão premiados em cerimônia a ser realizada em desembro (crédito: Marcos Santos/USP imagens)

Produzido pela Siesalq

Copyright © 2015 ESALQ/USP